O novo presidente da Câmara de Vereadores de Farroupilha, Fernando Silvestrin, em entrevista à Spaço FM, comentou sobre os desabafos da vereadora Glória Menegotto, concorrente ao cargo, e que perdeu a eleição no final do ano de 2019.

A vereadora afirmou que Silvestrin não cumpriu com a palavra quando foi assinado um acordo entre os partidos de situação, de que ela seria a presidente no último ano deste mandato. Para Silvestrin isso não passa de choro de perdedor e explicou que o fato de ser candidato não levou a nenhuma negociação com a bancada oposicionista. "Não houve falta de palavra e nem negociação”, comentou.

Ele explicou ainda que 20 dias antes da eleição houve uma reunião dos vereadores de situação, juntamente com o prefeito Claiton Gonçalves, onde deixou claro que estaria colocando seu nome para a disputa, mas não foi levado a sério. "Todos sabiam. A Glória estava do meu lado e não foi traição”, ressaltou. 

Silvestrin comentou que, querendo ou não, a vereadora tem que aceitá-lo como presidente, e que os trabalhos da Casa Legislativa serão por ele comandados, juntamente com a nova mesa diretora e que Glória fará o papel apenas de vereadora.

Fernando Silvestrin foi eleito com votos da oposição e se tornou o presidente para a gestão 2020.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!