Após o impeachment ser aprovado em uma sessão que durou dois dias, o prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra (Republicanos) foi afastado do cargo. Dezoito vereadores votaram a favor do processo, o que siginifica 2/3 da Câmara. O presidente da casa, Flávio Cassina (PTB) se absteve do voto.

Agora Cassina deve expedir o decreto de cassação do mandato do prefeito, convocando eleições indiretas em 30 dias para definir quem será o novo chefe do Executivo.

A votação ocorreu após a leitura dos oito volumes do processo que possui 3.969 páginas. A sessão começou na última sexta-feira, 20, e encerrou neste domingo, 22.

Confira os vereadores que votaram pela aprovação do impeachment

Edio Elói Frizzo (PSB)

Alberto Meneguzzi (PSB)

Alceu Thomé (PTB)

Adiló Didomenico (PTB)

Gustavo Toigo (PDT)

 Paulo Pérco (MDB)

 Rafael Bueno (PDT)

Edi Carlos Pereira de Souza (PSB)

Paula Ioris (PSDB)

Kiko Girardi (PSD)

Arlindo Bandeira (PP)

Felipe Gremelmaier (MDB) 

Edson da Rosa (MDB)

Velocino Uez (PDT)

Ricardo Daneluz (PDT)

Adriano Bressan (MDB) 

Rodrigo Beltrão (PT)

Tatiane Frizzo (Solidariedade)

Vereadores que votaram contra o impeachment 

Elisandro Fiuza (Republicanos)

Renato Nunes (PR)

Denise Pessôa (PT)

Renato Oliveira (PCdoB)

Leia Também

Deixe o seu comentário!