Um vídeo do vereador Fabiano Piccoli (PSB) comemorando a cassação de Claiton Gonçalves (PDT) com a 'dança do caixão' viralizou e repercurtiu nas redes sociais. No final ele diz “tchau querido”.

Em entrevista à Spaço FM, Piccoli contou que enviou esse vídeo para um familiar como forma de desabafo. “Foi um desabafo, porque os últimos meses foram momentos muito difíceis”, afirmou.

O parlamentar reconheceu que passou períodos importantes ao lado de Gonçalves na administração. “Tenho muito orgulho de ter feito parte dessa história”, admitiu. Piccoli foi secretário no primeiro mandato e permaneceu um período como vereador da base no Legislativo no segundo.

COMO ACONTECEU A VOTAÇÃO QUE LEVOU A CASSAÇÃO

Fato 1: Nomeação de servidor de carreira. Um fiscal concursado da prefeitura não foi exonerado, continuou recebendo valores de gratificação e exercendo as funções de assessor jurídico e posteriormente de procurador-geral do munícipio sem se exonerar da primeira função. (10 sim, 4 não e 1 abstenção). 

Fabiano Piccoli (PSB): sim
Tiago Ilha (Republicanos): não
Sedinei Catafesta (PSD): sim
Deivid Argenta (PDT): não
Thiago Brunet (PDT): não
Maria da Glória Menegotto (Rede): não 
Jonas Tomazini (MDB): sim
Jorge Cenci (MDB): sim
Eleonora Broilo (MDB): sim
José Mário Bellaver (MDB): sim
Arielson Arsego (MDB): sim
Sandro Trevisan (PP): sim
Tadeu Salib dos Santos (PP): sim
Josue Paese Filho (PP): sim
Fernando Silvestrin (PL): se absteve

Fato 2: Ilegalidade na suplementação de crédito orçamentário do município. Vereadores aprovaram R$ 10 mil e em cerca de uma semana houve uma suplementação de R$ 890 mil para a compra das áreas. (6 sim, 7 não e 2 abstenções).

Fabiano Piccoli (PSB): sim
Tiago Ilha (Republicanos): não
Sedinei Catafesta (PSD): se absteve 
Deivid Argenta (PDT): não
Thiago Brunet (PDT): não
Maria da Glória Menegotto (Rede): não
Jonas Tomazini (MDB): não
Jorge Cenci (MDB): sim
Eleonora Broilo (MDB): sim
José Mário Bellaver (MDB): sim
Arielson Arsego (MDB): não
Sandro Trevisan (PP): não
Tadeu Salib dos Santos (PP): sim
Josue Paese Filho (PP): sim
Fernando Silvestrin (PL): se absteve

Fato 3: Compra de terrenos. A aquisição dos imóveis não teve autorização da Câmara de Vereadores. Violação do princípio da legalidade. (10 sim, 4 não e 1 abstenção). 

Fabiano Piccoli (PSB): sim
Tiago Ilha (Republicanos): não
Sedinei Catafesta (PSD): sim 
Deivid Argenta (PDT): não
Thiago Brunet (PDT): não
Maria da Glória Menegotto (Rede): não
Jonas Tomazini (MDB): sim
Jorge Cenci (MDB): sim
Eleonora Broilo (MDB): sim
José Mário Bellaver (MDB): sim
Arielson Arsego (MDB): sim
Sandro Trevisan (PP): sim
Tadeu Salib dos Santos (PP): sim
Josue Paese Filho (PP): sim
Fernando Silvestrin (PL): se absteve

Fato 4: Aquisição do software de saúde e agir de forma incompatível com a dignidade do decoro do cargo. (14 não e 1 abstenção).

Fabiano Piccoli (PSB): não
Tiago Ilha (Republicanos): não
Sedinei Catafesta (PSD): não
Deivid Argenta (PDT): não
Thiago Brunet (PDT): não
Maria da Glória Menegotto (Rede): não
Jonas Tomazini (MDB): não
Jorge Cenci (MDB): não
Eleonora Broilo (MDB): não
José Mário Bellaver (MDB): não
Arielson Arsego (MDB): não
Sandro Trevisan (PP): não
Tadeu Salib dos Santos (PP): não
Josue Paese Filho (PP): não
Fernando Silvestrin (PL): se absteve

ASSISTA O VÍDEO ABAIXO 

 

Leia Também

Deixe o seu comentário!