A Justiça suspendeu liminarmente, nesta quarta-feira, 24, a venda de ações do Banrisul que havia sido anunciada em junho pelo governo. A ação popular foi movida pelo ex-presidente do banco, Mateus Bandeira, e a decisão da suspensão foi do titular do 2º Juizado da 4ª Vara da Fazenda Pública, Vanderlei Deolindo. O magistrado deferiu a liminar parcialmente, ou seja, até que o governo comprove a viabilidade da venda sem prejuízo ao erário. Se houver descumprimento, a multa será de R$ 300 milhões.

Em entrevista para a Spaço FM na terça-feira, 23, Bandeira comentou que se o estado vendesse as ações com o valor abaixo do mercado, estaria "rasgando" R$ 3 bilhões. 

 

Leia Também

Deixe o seu comentário!