A Câmara dos Deputados aprovou o Projeto de Lei que prevê R$ 90 bilhões a estados e municípios para compensar a queda de arrecadação de impostos durante a crise do coronavírus.

O projeto deve compensar a queda de arrecadação do Imposto de Circulação, Mercadorias e Serviços (Icms) e do Imposto sobre Serviços (ISS) de 2020 em relação ao ano passado e reduzir os efeitos na economia da crise do coronavírus.

O pacote emergencial que recompõe durante seis meses as perdas de estados e municípios não prevê contrapartidas dos governadores e prefeitos, como queria a equipe econômica.

O deputado federal (PP) Afonso Hamm ressaltou a importância desses recursos para os estados e destacou que os governadores conseguirão cumprir com suas obrigações junto aos municípios e principalmente com o salário dos servidores nesse momento difícil de arrecadação.

Confira no áudio abaixo:

Áudios

Deixe o seu comentário!