O empresário da Silvestrin Frutas, João Fernando Silvestrin, acredita que não há motivos para o prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves ser cassado.

Segundo Silvestrin, não tem fatos importantes para serem discutidos em ano de eleição. “Não vemos razão básica para o impeachment. Uma gestão muito boa. Se vê muitas obras, a prefeitura está em uma batida diferente, nós com superávit. Toda essa lamúria que se ouve que a prefeitura está mal, mas a prefeitura está bem”, opinou.

O empresário destacou que há incompatibilidade do governo com seus liderados e é necessário que o prefeito faça uma avaliação. “Teve um problema de gestão. Alguns assessores que assessoraram mal”, concluiu.

Estão tramitando na Câmara de Vereadores dois pedidos de impeachment ao mesmo tempo. Um deles foi protocolado pelo empresário Glacir Gomes. Já o outro é de autoria da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Rio Grande do Sul. Entre os argumentos dos documentos estão a aquisição dos imóveis sem autorização da Câmara de Vereadores, ilegalidade na suplementação orçamentária, nomeação de servidor de carreira que não foi exonerado e estava exercendo funções de assessor jurídico e posteriormente de procurador-geral do munícipio. Além disso, há também quebra de decoro do prefeito em manifestação sobre críticas ao software de saúde.

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!