O PT e o PCdoB de Farroupilha criaram um comitê permanente contra a Reforma da Previdência. Mesmo sendo suspensa pelo presidente Michel Temer nesta segunda-feira, 19, a iniciativa contra a reforma foi tomada pois, conforme o presidente do Sintrafar, Márcio Ferrari, os trabalhadores precisam estar preparados, já que há o risco do projeto ser colocado para votação a qualquer momento e acabar sendo aprovado. Ele destaca que quem terá os direitos retirados serão os trabalhadores. Segundo a presidente do PCdoB, Teresinha Bianchet, além de atingi-los, o problema também será os grandes devedores como Friboi, Bradesco e Itaú, que terão suas dívidas perdoadas, causando o rombo. O comité é aberto e outros sindicatos e partidpos podem aderir.

Confira a entrevista no áudio abaixo:

Áudios

Deixe o seu comentário!