A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) do Rio Grande do Sul protocolará um novo pedido de impeachment contra o prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT) nesta segunda-feira, 2. O documento será assinado pelo presidente estadual da entidade, Ricardo Breier, e também pelo presidente da subseção no município Maurício Bianchi.

Alguns dos argumentos apresentados pelo novo pedido de impeachment são a nomeação de um fiscal do município para atuar em função privativa de advogado, suplementação orçamentária ilegal, compra de terrenos sem autorização da Câmara de Vereadores e aquisição indevida de software para a saúde.

Além deste, há um outro pedido de impeachment contra o prefeito que já está tramitando na Casa Legislativa. No documento consta terrenos que foram adquiridos próximos à Unidade de Pronto Atendimento (UPA) sem demostrar estudo prévio e sem discutir com os vereadores. A comissão processante é formada pelo presidente Fabiano Piccoli (PT), Kiko Paese (PP) e o relator Jorge Cenci (MDB).

O prefeito recebeu na última quarta-feira, 26, a notificação de impeachment emitida pela Comissão. Gonçalves tem até 7 de março para apresentar sua defesa.

 

Leia Também

Deixe o seu comentário!