O prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra se manifestou sobre o acolhimento do pedido de impeachment realizado na manhã desta terça-feira, 8. Em nota, ele cita que os vereadores aderiram um jogo político que só prejudica a cidade. Ainda conforme Guerra, isso não desviará o foco de continuar trabalhando e honrando a confiança da comunidade e cumprindo os compromissos assumidos com os caxienses.

No pedido consta que Guerra proibiu a utilização da Praça Dante Alighieri para realização da bênção dos freis Capuchinhos e a Parada Livre, além de supostas irregularidades na decisão de fechamento do Pronto Atendimento 24 horas.  

Quatorze parlamentares votaram a favor e oito contra a denúncia. A Comissão Processante tem cinco dias para notificar o prefeito. Em seguida, seguem os prazos para defesa e, ao final dessa etapa, a comissão realizará o parecer prévio com o prosseguimento ou arquivamento. Se o processo prosseguir, volta ao plenário para julgamento pela cassação ou não.

Confira a nota na íntegra

A deflagração de um processo sem fundamento, mais uma vez, mostra a falta de seriedade e de responsabilidade de alguns vereadores que aderiram a um jogo politiqueiro que só prejudicará nossa cidade. Não desviaremos o foco de continuar trabalhando e honrando a confiança da comunidade e cumprindo os compromissos assumidos com os caxienses, uma vez que os atos da administração são voltados para o interesse público e fundamentados na legalidade e transparência. 

Leia Também

Deixe o seu comentário!