A votação do impeachment do prefeito de Caxias do Sul, Daniel Guerra, iniciou na manhã desta sexta-feira, 20, na Câmara de Vereadores com a leitura de oito volumes do processo, o qual possui 3.969 páginas. O plenário permanece lotado com a capacidade correspondente a 200 lugares, onde pessoas que são contra e a favor ficaram em lados separados.

A plateia mantém o clima de tensão com ânimos acirrados e trocas de provocações. O presidente do Legislativo, vereador Flávio Cassina, por várias vezes solicitou que a plateia mantivesse a calma, caso contrário, iria interromper a sessão e solicitar a retirada das pessoas mais exaltadas.

A sessão, por ser longa, terá uma pausa às 12h e retornará às 13h. A previsão da leitura final do processo é de cinco horas e após o presidente da Câmara solicita a manifestação dos vereadores, que terão direto a até 15 minutos para manifestação. Já a defesa do prefeito, realizada pela procuradora do município, Cássia Kuhn, terá um tempo de até duas horas para se manifestar.

O encerramento da sessão com a conclusão dos trabalhos deve durar cerca de 14 horas.

Acompanhe a sessão ao vivo

Deixe o seu comentário!