O ex-prefeito de Farroupilha, Ademir Baretta, em entrevista à Spaço FM, voltou a fazer críticas a atual administração municipal. Conforme Baretta, cada segmento da sociedade possui suas prioridades, mas muitos são deixados de lado pelo Executivo Municipal pela falta de sensibilidade em ouvir a comunidade e elencar essas prioridades. "Hoje em Farroupilha quem mais grita leva”, declarou.

O ex-prefeito destacou que não há uma dinâmica nas ações e nem equilíbrio naquilo que será priorizado. Baretta citou como exemplo a área da habitação que, segundo ele, foi esquecida porque não se levantou o grito por moradia.

Ele foi além e ressaltou que o atual governo está doente, contaminado pelas redes sociais e não age pelo social, o qual se faz necessário.

Baretta criticou ainda a falta da geração de empregos no município. "O atual governo não tem que gerar empregos, mas ele tem que ser parceiro da iniciativa privada para gerá-los.” concluiu.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!