O ex-presidente do Banrisul, Mateus Bandeira, afirmou que o  governador, Eduardo Leite (Psdb), mentiu ou se enganou sobre proposta de reforma tributária no estado. Bandeira sugeriu que Leite deveria admitir que errou ao dizer que não precisaria aumentar os impostos e agora fez um projeto para compensar a queda de arrecadação de algumas alíquotas.

Bandeira espera que todos os deputados escutem a voz da população, uma vez que as pessoas estão cansadas de pagar impostos. A proposta ainda não passou pela análise dos deputados estaduais. “O governador Sartori em um esforço de reduzir a máquina pública, tinha reduzido a estrutura do estado para 14 secretarias. Ele (Leite) subiu para 24. Para criar secretarias importantes para acomodar partidos em troca de votos, o velho toma lá dá cá. Essa é a política moderna no Rio Grande do Sul”, opinou.

De acordo com o ex-presidente do Banrisul, com essa medida o governador conseguiu aprovar reformas na Assembleia. Ele destacou que são quase dois anos que a Assembléia Legislativa autorizou privatizações das empresas estatais e isso ainda não aconteceu.

Bandeira questionou a falta de organização no fluxo de caixa em um ano e meio de governo. “Agora os gaúchos vão pagar essa conta”, comentou. Com o projeto do governador, produtos da cesta básica terão um aumento de mais de 142%.

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!