O deputado federal Henrique Fontana (PT) comentou sobre a demissão do ministro da Justiça, Sérgio Moro. De acordo com o político, Jair Bolsonaro tem tentado interferir na Polícia Federal (PF), afim de proteger as milícias do governo e seus próprios filhos.

O deputado federal reiterou que Moro agiu na Lava Jato para atacar um partido político e interferir nas eleições, impedindo Lula de concorrer à presidência da república.

Ele destacou que o juíz recebeu o prêmio e foi indicado para comandar a justiça no país. Assim, segundo Fontana, Moro protegeria as ações do Bolsonaro, mas ao perceber que o bolsonarismo estava em decadência, acabou saindo do governo. 

Conforme o deputado federal, não será fácil superar a “doença” que Bolsonaro passou para o Brasil. “O foco agora tem que ser de como acelerar o fim do governo Bolsonaro”, comentou.

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

 

Áudios

Deixe o seu comentário!