Coordenador da Frente Parlamentar de Homens pelo Fim da Violência contra as Mulheres, deputado estadual pelo PT, Edegar Pretto palestrou na Conferência Regional que debateu o tema em Farroupilha. Na conversa com a reportagem falou do trabalho de debater o assunto e levantar o problema junto das mulheres.  De acordo com ele, nos últimos quatro anos, 268 mulheres morreram vítimas de agressão no Rio Grande do Sul. Ainda na entrevista não faltaram críticas ao trabalho de austeridade da administração Sartori e defesas ao último governador, Tarso Genro

Leia Também:
Deputado mais novo da Assembleia, Gabriel Souza: "Tarso foi o governador mais irresponsável do RS"

Para Edegar Pretto, os deputados de situação estão tentando justificar o injustificável e os discursos sobre a crise nas finanças geram desconfiança do investidor. 
Acompanhe as manifestações, reproduzidas no Panorama deste sábado, nos áudios abaixo. 

Áudios

Deixe o seu comentário!