O candidato a vice-prefeito na eleição indireta de Caxias do Sul, Edio Elói Frizzo (PSB), em entrevista à Spaço FM, comentou sobre o processo de impeachment que afastou o Daniel Guerra e afirmou que nada foi premeditado com o objetivo de colocar Flávio Cassina (PTB) como prefeito do município.

Conforme Frizzo, nem a oposição tinha certeza dos votos dos vereadores para atingir o número suficiente para a cassação, e o simples fato de Cassina estar na presidência do Legislativo, fez com que o mesmo fosse conduzido automaticamente para assumir a prefeitura.

Frizzo já começa a projetar metas e prioridades para o município, explicando que é necessário devolver a cidade à cidadania. "Os primeiros 90 dias é preciso desmanchar as barbaridades que esse governo fez durante três anos”, declarou.

A eleição indireta ocorre na próxima quinta-feira, 9, às 8h30, na Câmara de Vereadores e ambos assumem o cargo logo após a divulgação do resultado.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!