O presidente do segundo processo de impeachment contra o prefeito Claiton Gonçalves (PDT), Fabiano Piccoli (PSB), respondeu às acusações que o advogado do gestor, Cláudio Ávila, fez contra as comissões processantes.

Piccoli destacou que o decreto de lei não especifica que as comissões deveriam dar quatro oportunidades para a defesa do prefeito ser ouvida. Ainda de acordo com o parlamentar, o decreto está sendo seguido com inúmeras chances para Gonçalves apresentar sua defesa.

Ele assegurou que os trabalhos estão sendo feitos com seriedade. “Estamos fazendo um trabalho sério, seguindo a legislação”, respondeu.

O vereador ainda lembrou que a votação final que envolve o parecer da comissão indicando ou não a cassação será realizada com base nos fatos.

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO 

Áudios

Deixe o seu comentário!