O prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT) afirmou que não há garantia que o respirador que Tomazini ajudou a comprar irá chegar a tempo se houver um colapso. “Vereador Jonas Tomazini está faltando com algumas verdades importantes que deveriam pautar a vida do político por ser transparente. O dinheiro que voltaria da Câmara caso ela declinasse não vai para pagar plataforma, porque a plataforma foi declinada”, afirmou.

LEIA MAIS 

Vereador coloca em dúvida compra de respiradores no valor de R$ 3,4 milhões pelo prefeito de Farroupilha Claiton Gonçalves

Gonçalves também destacou que as pessoas estão controlando as ações da prefeitura antes mesmo que as medidas se concretizem. Gonçalves declarou que essa espécie de controle é atitude política.

Ele sugeriu que as pessoas que estão fiscalizando ações da administração deveriam assinar um documento se responsabilizando caso a pandemia de coronavírus fique mais grave no município.

 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!