O deputado federal Henrique Fontana (PT) sugeriu a prorrogação do auxílio emergencial de R$ 600 até dezembro. A justificativa é a proteção social fundamental para as famílias e a tentativa de proteger a economia do país, prejudicada pela pandemia de coronavírus.

Outra proposta é uma linha de financiamento subsidiado com juros da selic, mais 1,6% ao ano, o que resulta em 4,6%. Esse financiamento é destinado para as micro e pequenas empresas com faturamento de até R$ 4,8 milhões por ano. A carência é de oito meses para o pagamento da primeira parcela dos empréstimos.

Na visão de Fontana, o Brasil precisa de um injeção de R$ 800 bilhões, aproximadamente 10% do Produto Interno Bruto (PIB), na economia para uma possível recuperação.

O deputado também propôs aumentar impostos de pessoas que têm salário acima de R$ 15 mil por mês e a reintrodução dos impostos de renda sobre lucro e dividendos. “É um pacote para todos os cidadãos que ganham salários altos no país”, justificou.

OUÇA OS ÁUDIOS ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!