Os ex-candidatos a prefeito e vice de Farroupilha, Pedro Evori Pedrozo e Francis Casali foram condenados por propaganda institucional em época vedada e por promoção pessoal durante campanha, utilizando-se da máquina pública. O processo foi julgado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Rio Grande do Sul e a decisão foi publicada nesta terça-feira, 23.

De acordo com o documento, Pedrozo e Casali, além da coligação 'Sim, Seguimos Juntos' (PSB-PDT-PT-PCdoB-PODEMOS) terão que pagar multa no valor de R$ 15.960 cada, totalizando R$ 47.880.

 

 

Deixe o seu comentário!