O coordenador médico do Pronto Atendimento da Unimed  Farroupilha, Fábio Letti, fez um relato durante o Fim de Expediente desta segunda-feira, 7, e comentou que há cerca de duas semanas o número de pessoas infectadas com covid-19 ou com suspeita aumentou. Letti frisou que a população precisa aumentar ainda mais os cuidados para não se contaminar. Ele contou que muitos dos atendimentos de pacientes são graves necessitando de atendimento hospitalar ou em muitos casos de leitos de UTI. “Eu peço e alerto a população de Farroupilha que nos encontramos em uma situação caótica”, alertou. 

OUÇA O ÁUDIO ABAIXO

Áudios

Deixe o seu comentário!