A superintendente do Hospital São Carlos, Janete Toigo, comentou sobre a taxa de ocupação dos leitos de Unidade de Tratamento Intensivo (UTI), que está em 47%. De acordo com Janete, no mesmo período do ano passado o percentual estava em 110%.

A superintendente explicou que a situação da covid-19 está controlada no hospital. “No ano passado e nos anteriores foi muito mais crítico do que agora em plena pandemia”, ponderou.

Ela explicou que a casa de saúde se encontra bem estruturada para enfrentar o último nível da doença. Para Janete, o município poderia estar em bandeira amarela, uma vez que os números apontam para isso.

Em relação aos óbitos pela covid-19, a superintendente ressaltou que estão diretamente relacionados com as comorbidades dos pacientes e o coronavírus acaba sendo uma consequência. Das quatro mortes por coronavírus nos últimos dias, três são de casos de outros municípios: Carlos Barbosa, Gravataí e Dois Irmãos. 

De acordo com a médica intensivista da UTI, Carolina Viezzer, esses pacientes já chegaram com um quadro avançado da doença. Outro ponto observado por ela é que essas pessoas também apresentavam outras comorbidades, o que agravava os quadros. "Os pacientes internados na UTI e acabam evoluindo para óbito geralmente são pacientes que chegam em uma fase mais avançada da doença", esclareceu. 

Carolina orienta que, ao sentir os sintomas, as pessoas devem procurar os profissionais da saúde para um atendimento rápido e resultado mais eficaz.

OUÇA OS ÁUDIOS ABAIXO 

Áudios

Leia Também

Deixe o seu comentário!