O governo do Rio Grande do Sul manteve o mapa do distanciamento controlado igual ao preliminar que havia sido divulgado na sexta-feira, 22. Os recursos apresentados pelas associações de Taquara, Guaíba e Passo Fundo foram negados e, com isso, 17 regiões permanecem em bandeira vermelha e quatro em laranja. As medidas entram em vigor nesta terça, 26, e seguem até 1º de fevereiro.

Das 21 regiões Covid, 18 estão em cogestão e podem adotar protocolos próprios, elaborados pelas respectivas associações regionais. As 14 regiões em bandeira vermelha que aderiram ao sistema compartilhado podem adotar protocolos compatíveis até o nível de restrição da bandeira laranja. Guaíba, Santa Maria e Uruguaiana, que não estão na cogestão, devem seguir os protocolos determinados pelo Estado de bandeira vermelha.

As regiões de Pelotas, Caxias do Sul, Bagé, Cachoeira do Sul, classificadas em laranja e participantes do sistema de cogestão, podem utilizar protocolos de bandeira amarela, se estiverem previstos e atualizados nos seus planos regionais.

Deixe o seu comentário!