A deputada estadual Francis Somensi (Republicanos) defendeu seu marido, o prefeito de Farroupilha, Claiton Gonçalves (PDT), sobre a compra de 20 respiradores para enfrentar a pandemia de coronavírus.

De acordo com Francis, os equipamentos só serão pagos depois de entregues e o prazo para a entrega é de 10 dias e a instalação deverá ocorrer no Hospital São Carlos. Se a compra não for entregue no prazo, poderá ser desfeita. "Nós estamos fazendo a nossa parte, Farroupilha teve alguns avanços, foi uma união de muitos poderes, de muitas pessoas e, graças a Deus, não temos um surto hoje", explicou.  

Ela afirmou que Gonçalves estava fazendo contato com várias pessoas antes mesmo de voltar à prefeitura com o intuito de conseguir comprar esses respiradores. Segundo a deputada, essa aquisição se trata de uma medida de prevenção caso Farroupilha enfrente um período mais grave da doença.

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe o seu comentário!