O secretário da Saúde de Farroupilha, Clarimundo Grundmann, explanou aos vereadores nesta segunda-feira, 12, o trabalho realizado pela pasta no enfrentamento à pandemia. Conforme Gründmann, em quase três meses já foram 10 mil pessoas vacinadas em Farroupilha através do plano de vacinação promovido pelo Executivo. Ele ressaltou que entre o grupo de pessoas vacinadas, duas mil já receberam a segunda dose, conforme informações do Comitê de Atenção ao Coronavírus.

Quanto ao ritmo da vacinação, o gestor salientou que é imposto pela logística de entrega de lotes por parte do governo federal. Até o momento a aplicação é priorizada aos agentes de saúde, idosos, e recentemente aos profissionais da segurança pública.

Visando dar maior celeridade ao processo de vacinação, o prefeito Fabiano Feltrin juntamente com outros municípios da região, através do consórcio (Cisga), busca a possibilidade de adquirir, via orçamento próprio, os imunizantes.

A quantidade prevista de vacinas a serem adquiridas pelo Executivo será relativa ao andamento de entrega pela União dos demais lotes.

Na expectativa de sucesso pela compra por parte da administração pública, os vereadores ratificam a necessidade de imunização dos professores e funcionários escolares com prioridade, haja vista a importância do retorno às aulas, principalmente, das séries iniciais.

Deixe o seu comentário!