Enrique R. de Almeida é o diretor do Hospital São Carlos. Ele explica a super lotação no Pronto Socorro durante a segunda-feira, 9. Apesar de dois médicos plantonistas a demanda foi muito grande e houve ainda muitos pacientes acidentados que necessitaram da emergência. As pessoas que procuram o PS passam por uma avaliação pela equipe de enfermagem e dependendo do estado em que se encontram, recebem uma ficha de prioridade ou não no atendimento. Enrique pede a compreensão das pessoas por considerar um dia atípico.

Moradora do bairro São José, Kelly Speth, de 16 anos, procurou atendimento na tarde de ontem no Hospital São Carlos. Com infecção urinária a jovem chegou perto da uma da tarde e, sem ser chamada, desistiu de ser atendida, as quatro da tarde. Sua mãe indignada veio a até a Rádio Spaço e relatou a situação. 

Confira as manifestações no áudio abaixo. 
 

Áudios

Deixe o seu comentário!