O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) vai iniciar em breve os estudos técnicos necessários para conceder à iniciativa privada mais de mil quilômetros de rodovias estaduais.

O contrato para o estudo foi assinado pelo governador Eduardo Leite no dia 17 de janeiro. As concessões promovidas pelo governo fazem parte do programa RS Parcerias, lançado em março de 2019.

As análises, com base em levantamentos técnicos e de campo, devem durar cerca de oito meses, mais o período que passará pelos órgãos fiscalizadores.

Os estudos vão definir as necessidades das rodovias como duplicações, implantação de terceiras faixas e obras de segurança viária para as comunidades próximas.

Ao todo são 18 rodovias com 1.028 quilômetros de extensão, sendo 760 quilômetros atualmente pedagiados e sob administração da Empresa Gaúcha de Rodovias (EGR) e outros 268 quilômetros de responsabilidade do Departamento Autônomo de Estradas de Rodagem (Daer).

Rodovias que fazem parte do estudo de concessão:

• ERS-239
• ERS-122 (Caxias do Sul / Farroupilha / São Vendelino)
• ERS-240
• RSC-287 (trecho que não consta na concessão em andamento)
• ERS-474
• ERS-040
• ERS-784
• ERS-115
• ERS-235 (Nova Petrópolis/Gramado/Canela/São Francisco de Paula)
• ERS-466
• ERS-020
• ERS-130
• ERS-129
• RSC-453 (Rota do Sol)
• ERS-128
• RSC-135
• ERS-446
• VRS-813 (Farroupilha / Garibaldi)

 

Deixe o seu comentário!