O presidente da Associação de Moradores da Comunidade de Nova Sardenha, Cleito Feraboli, em entrevista à Spaço FM, comentou sobre a manifestação que será realizada nesta sexta-feira, 21, na VRS-813, das 17h15 até as 18h15.

Conforme Feraboli, o objetivo é cobrar providências imediatas do governo do Estado para um recapeamento total da rodovia. Ele ressaltou que a comunidade não aceita mais operação tapa-buracos.

O presidente afirmou que o governo terá o prazo de oito dias para dizer sim ao recapeamento total da rodovia, caso contrário as manifestações terão mais intensidade. "Chega de tapa-buracos, a comunidade não quer mais”, comentou.

Em outubro de 2019, durante uma reunião, os moradores receberam a promessa do estado que em março de 2020 a recuperação iria ocorrer, mas isso não aconteceu. A Associação dos Moradores vem cobrando o restauro da rodovia desde 2018.

A manifestação com bloqueio da rodovia terá apoio da União de Associações de Bairros e outras entidades do município. O evento será acompanhado pela Polícia Rodoviária Estadual.

Confira no áudio abaixo

Áudios

Deixe o seu comentário!